quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Aprenda a apreciar com uma nova visão


(crónica de Wellington Nader)

"A metáfora é uma das mais poderosas formas de comunicação,
pelo seu poder de quebrar resistências,
com histórias que levam as mensagens que você quer comunicar."

Era véspera de Natal. Em todas as casas havia intensa alegria. Nas ruas, era grande o movimento. Pessoas transitavam com pacotes, entrando e saindo de lojas cheias de compradores e vendedores ansiosos.

O homem e a mulher se aproximaram de um restaurante. A mulher trazia nos olhos o brilho dos que sabem compartilhar alegrias e se sentem felizes com pequenas coisas. Sorria.

O homem se apresentava carrancudo. O rosto marcado por rugas de preocupação. No coração, um tanto de revolta. Sentaram-se à mesa e, enquanto ela olhava o cardápio, procurando algo simples e gostoso para o lanche, ele começou a reclamar. Reclamou que as coisas não estavam dando certo. Ele tinha investido em um determinado produto em sua loja, contando que as vendas fossem excelentes, mas não foram.O produto não era tão atraente assim. Ou talvez fosse o preço. Enfim, o comerciante reclamava e reclamava. De repente, ele parou de falar.

Observou que sua esposa parecia não estar ouvindo o que ele dizia. Em verdade, ela estava mesmo era em outra esfera. Olhava fixamente para uma árvore de natal que enfeitava o balcão do pequeno restaurante. Sim, ela não estava interessada na sua conversa. Ele também olhou na mesma direção e, de forma mecânica, comentou:

- A árvore está bem enfeitada, mas tem uma lâmpada queimada no meio das luzes.

- É verdade, respondeu a mulher. Há uma lâmpada queimada. E você conseguiu vê-la porque está pessimista, meu amor. Não conseguiu perceber a beleza das dezenas de outras luzes coloridas que acendem e apagam, lançando reflexos no ambiente.
Autor desconhecido

Feliz ano novo repleto de realizações. Aprenda a apreciar com uma nova visão. Veja as coisas ao seu redor de uma outra perspectiva.

Wellington Nader
Licenciado em Medicina Dentária há mais de 20 anos.
Especializado em Implantologia.
Formação em Practioner InPNL.
Formação Coach.
Sócio-gerente da NaderClinic de Tomar e Abrantes.

Retrospectiva 2015 - Dezembro


3 perguntas a... Marta Calado


1- O início de época tem sido promissor, em particular as quatro vitórias em Dezembro. A que se deve este momento de forma?

O meu objectivo nas provas é sempre ganhar. Com algum treino, esforço e dedicação, tento sempre alcançar os meus objectivos.

2- Que conselhos dá a quem quer iniciar-se na modalidade?

Em primeiro lugar, tem de se gostar do que se faz. Em segundo, treinar, porque sem treino não se alcançam vitórias.

3- Quais são os teus objectivos para 2016?

Não tenho grandes objectivos. Contudo, quero continuar a praticar a minha disciplina, meio fundo, e fazer o que mais gosto, que é correr.

(Marta Calado pratica atletismo na Casa do Benfica em Abrantes e venceu 4 provas em Dezembro, a última das quais ontem, em Nisa)

Prognósticos - O seu voto conta!


Prognósticos até ao momento:









A votação termina amanhã.


Futebol: Taça Fundação Inatel - Vale das Mós 6º no Grupo D - Balanço até ao momento


Com 7 jornadas disputadas, Vale das Mós está em 6º no Grupo D, com 3 pontos.

A equipa tem 1 vitória e 5 derrotas, e estão a 13 pontos da liderança da Bemposta.

Resultados até ao momento:
1ª jornada: Foros do Arrão - Vale das Mós (1-2)
2ª jornada: Vale das Mós - Choutense (1-9)
3ª jornada: Paço dos Negros - Vale das Mós (8-0)
4ª jornada: Vale das Mós - Bemposta (1-3)
5º jornada: Marianos e Murta - Vale das Mós (4-0)
6ª jornada: Folgou
7ª jornada: Vale das Mós - Raposense (0-2)

Outros dados:
Golos marcados - 4 golos
Golos sofridos - 27 golos

A competição recomeça no fim-de-semana de 2 e 3 de Janeiro.

Futebol: Taça Fundação Inatel - Rossiense 7º no Grupo A - Balanço até ao momento


Com 7 jornadas disputadas, a U.D. Rossiense está em 6º no Grupo A, com 2 pontos.

A equipa tem 2 empates e 4 derrotas, e estão a 14 pontos da liderança da Amoreira.

Resultados até ao momento:
1ª jornada: Rossiense - Sentieiras (2-2)
2ª jornada: Amoreira - Rossiense (3-1)
3ª jornada: Folgou
4ª jornada: Rossiense - Envendos (1-2)
5º jornada: Ortiga - Rossiense (2-1)
6ª jornada: Rossiense - Rio de Moinhos (0-0)
7ª jornada: Arreciadas - Rossiense (2-0)

Outros dados:
Golos marcados - 5 golos
Golos sofridos - 11 golos

A competição recomeça no fim-de-semana de 2 e 3 de Janeiro.

Os nossos parceiros também fazem Desporto!


Em 2016...


"Desejo a todos um Bom Ano, com tudo de bom e muitos sucessos. E para os meus boas braçadas."

(Madalena Silva - nadadora do Clube Náutico de Abrantes)

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

3 perguntas a... Renato Dias


1- Foi apanhado de surpresa com a decisão da sua saída?

Sim. Não estava nada à espera de uma decisão destas. Nada faria indicar tal situação.

2- Que motivos encontra?

A direcção disse-me que foi devido ao facto de o grupo não estar com o treinador e ser necessário mudar algo. Eu não concordo, mas tenho que aceitar.


3- Que balanço faz do seu trabalho esta época na UDA e o que faria de diferente?

Na minha opinião, foi um trabalho positivo. Entrei na UDA já com a época preparada, período preparatório preparado, plantel fechado, tudo definido. Tive uma equipa técnica fantástica, trabalhámos imenso. Tivemos de adaptar alguns jogadores, e isso reflectiu-se num mau início de época. Mas à 8ª jornada, quando toda a comunicação social nos dava como "mortos", e condenados à descida, a equipa reage e acaba a 1ª volta em crescendo notório. Tendo isto em atenção, só posso considerar um trabalho positivo, a equipa está equilibrada, mais consistente e a evoluir, estando esta em posição de conseguir alcançar os objectivos propostos inicialmente. Quanto ao que fazia diferente, simplesmente não mudava nada, porque tenho a consciência que dei tudo para o sucesso do grupo e saio de cabeça limpa e consciência tranquila.

(Renato Dias deixou hoje de ser treinador da equipa de seniores da U.D. Abrantina)

Futebol: UDA sem treinador


Renato Dias já não é treinador da equipa de seniores da U.D. Abrantina.

"Tudo na vida tem um início e um fim. Saio de cabeça erguida, e de convicção que dei tudo para fazer o melhor pelo clube. A minha consciência está totalmente tranquila. Obrigado aos que me apoiaram sempre." (Post colocado pelo treinador no seu perfil de facebook)

Futebol: Pego em 2º no Troféu Disciplina


A C.P. Pego encontra-se na segunda posição do Troféu Disciplina da II Divisão Distrital.

OUTROS CLUBES DE ABRANTES: AQUI

Retrospectiva 2015 - Novembro


Reflexão desportiva de final de ano


(crónica de Nuno Gil)

Estamos a chegar ao final de mais um ano e nesta altura é habitual formular votos para o novo ano que se aproxima.
Mas tão importante como pensar no que se quer para o novo ano é refletir sobre o que se fez no ano que está a terminar.
E é este o desafio que faço a todos os leitores, nesta minha última crónica do ano.
É importante que todos aqueles que de diferentes formas estão ligados à prática desportiva, reflitam sobre as suas práticas.
E eu levanto aqui algumas perguntas que podem servir de base a essa reflexão.

Aos responsáveis governativos nacionais, regionais e locais:

   Acreditam que existe realmente um sistema desportivo que promova os hábitos de atividade física e de atividade desportiva?
   Para quando a criação de um programa de desenvolvimento desportivo a longo prazo que realmente fomente a prática de atividade física e desportiva?

Aos dirigentes federativos e associativos pergunto:

   Serão os quadros competitivos um factor limitativo da evolução dos atletas e da modalidade, ao verificar-se em alguns deles resultados completamente desnivelados com diferenças abismais nos resultados, impossibilitando assim, as equipas menos hábeis de trabalhar as competências ofensivas do jogo e as mais hábeis de desenvolverem competências defensivas?
   Serão os escalões organizados em intervalos de dois anos promotores da igualdade de oportunidade ou são mais um grave fator de seleção precoce desfavorável aos atletas atrasados maturacionalmente? Porque estão os escalões internos organizados em intervalos de dois anos e ao nível das seleções internacionais em intervalos de um ano?

Aos dirigentes desportivos:

   Como funciona o processo de seleção de treinadores para o vosso clube? Têm no clube um perfil de treinador claramente definido para cada uma das equipas/escalões?
   Está o vosso clube organizado de forma a fomentarem o gosto pela atividade física desportiva e a promoverem uma optimização do rendimento desportivo?
   O modelo de “arquipélago", em que cada equipa funciona como uma ilha autónoma dentro do clube, é o melhor modelo de clube?
   O programa de desenvolvimento desportivo do vosso clube está atualizado e é do conhecimento de todos os atletas e respetivos encarregados de educação?
   Os objetivos do clube estão claramente definidos e são do conhecimento de todos?

Aos treinadores desportivos:

   Utilizam metodologias de treino adaptadas aos níveis de desenvolvimento maturacional dos vosso atletas?
   A vossa postura e comportamento em treino e/ou em competição é a mais apropriada?
   Os objetivos definidos e meio utilizados para os alcançar são os mais apropriados ou colocam em causa o desenvolvimento integral dos vossos atletas a longo prazo?
   Consideram que têm os conhecimentos mínimos para promover o desenvolvimento integral e harmonioso dos vossos atletas?

Aos árbitros:

   Será a vossa postura para com o jogo e intervenientes a mais adequada?
   O não apoio da parte dos árbitros mais experientes aos árbitros mais jovens, não será por si só um enorme constrangimento ao normal desenvolvimento de competência destes?
   Qual o vosso papel no jogo?

Aos pais e espectadores:

   Será a vossa conduta na bancada a mais adequada?
   Os objetivos e a pressão que colocam nos atletas, em especial nos mais jovens, são adequados?
   O permitir a troco de vitórias que os vossos filhos e conhecidos sejam violentados mentalmente e até fisicamente, é aceitável?
   A atitude para com os árbitros, alguns deles muito jovens, é a mais adequada?

Aos atletas:

   A vossa atitude no treino e na competição é a mais adequada à melhoria das vossas competências?
   A vossa postura no campo é exemplo para os mais novos e para todos aqueles que assistem aos vossos jogos?

Estas são só alguns exemplos questões para as quais deveríamos frequentemente procurar resposta. E não estou com isso a dizer que está tudo mal, pois da nossa reflexão podemos concluir que a nossa forma de estar e agir é a mais correta, no entanto caso raramente nos questionemos, menor será a probabilidade de alterarmos os comportamentos menos adequados.

E como este blogue é de Abrantes, deixo uma questão extra a todos aqueles que trabalham naquela que é a minha modalidade favorita, o futebol. Há cerca de 10 a 12 anos atrás Abrantes tinha uma equipa em cada um dos campeonatos nacionais existentes, Sport Abrantes e Benfica nos nacionais de iniciados e juvenis e o Abrantes Futebol Clube nos nacionais de juniores e seniores. Hoje não temos nenhum clube a disputar campeonatos nacionais em qualquer escalão. E a minha questão é simples. Porquê?

Votos de um bom final de 2015 e de um melhor ano de 2016.

Saudações desportivas e até à próxima crónica.

Nuno Gil
Licenciado em ciências do desporto, pela FCDEF-UC
Mestre em treino do jovem atleta, pela FMH-UTL
Doutorando em ciências do desporto, na FCDEF-UC
Professor de educação física, na escola secundária Dr. Manuel Fernandes
Ex-treinador desportivo

Futebol: Taça Fundação Inatel - Casais de Revelhos 6º no Grupo B - Balanço até ao momento


Com 7 jornadas disputadas, os Casais de Revelhos estão em 6º no Grupo B, com 4 pontos.

A equipa tem 4 empates e 2 derrotas, e estão a 12 pontos da liderança de S. Facundo.

Resultados até ao momento:
1ª jornada: Vilarregense - Casais de Revelhos (2-2)
2ª jornada: Casais de Revelhos - Concavada (0-1)
3ª jornada: Carvalhal - Casais de Revelhos (1-1)
4ª jornada: Casais de Revelhos - Arcaravela (1-1)
5º jornada: S. Facundo - Casais de Revelhos (4-2)
6ª jornada: Folgou
7ª jornada: Casais de Revelhos - Venda Nova (1-1)

Outros dados:
Golos marcados - 7 golos
Golos sofridos - 10 golos

A competição recomeça no fim-de-semana de 2 e 3 de Janeiro.

Futebol: Taça Fundação Inatel - Arreciadas 6º no Grupo A - Balanço até ao momento


Com 7 jornadas disputadas, as Arreciadas estão em 6º no Grupo A, com 5 pontos.

A equipa tem 1 vitória, 2 empates e 3 derrotas, e estão a 11 pontos da liderança da Amoreira.

Resultados até ao momento:
1ª jornada: Envendos - Arreciadas (1-1)
2ª jornada: Arreciadas - Ortiga (0-1)
3ª jornada: Rio de Moinhos - Arreciadas (3-0)
4ª jornada: Folgou
5º jornada: Arreciadas - Sentieiras (1-1)
6ª jornada: Amoreira - Arreciadas (5-0)
7ª jornada: Arreciadas - Rossiense (2-0)

Outros dados:
Golos marcados - 4 golos
Golos sofridos - 11 golos

A competição recomeça no fim-de-semana de 2 e 3 de Janeiro.

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Retrospectiva 2015 - Outubro


Caminhada


Em 2016...


"Em 2016 espero que o sonho de cada atleta Abrantino se concretize, que cada clube do concelho tenha sucesso e que a formação cresça cada vez mais. 
Na modalidade que treino, que é o basquetebol, desejo que todos os nossos objetivos se concretizem e que todos os nossos atletas cresçam a nível desportivo e pessoal.
Que seja um Ano com muita paz e muita saúde desportiva."

(Vasco Gonçalves - jogador e treinador de basquetebol no Clube Náutico de Abrantes)

Newsletter nº 39 - Dezembro/2015


EDIÇÃO COMPLETA AQUI

Destaques desta edição:

- Octávio Vicente - Vice-Campeão Nacional de Triatlo Longo;
- Francisca Laia - Votada para Atleta do Ano (Canoagem);
- Náutico permanece na III Divisão (Natação);
- Encontro Distrital de Traquinas (Futebol);
- Luís Mota em destaque (Atletismo);
- Pego vence derby com Dragões (Futebol);
- Filipe Rosa vence em Vermoil (Atletismo);
- Paula Rodrigues vence em Benavente (Atletismo);
- Crónica de Nuno Gil;
- Foto do Mês - Escolha dos Leitores;
- Mação com vitórias abrantinas (Atletismo).

Solicite envio (gratuito) da edição mensal, para o mail: desportoemabrantes@gmail.com

Futebol: Taça Fundação Inatel - Carvalhal 5º no Grupo B - Balanço até ao momento


Com 7 jornadas disputadas, o Carvalhal está em 5º no Grupo B, com 5 pontos.

A equipa tem 1 vitória, 2 empates e 3 derrotas, e está a 11 pontos da liderança de S. Facundo.

Resultados até ao momento:
1ª jornada: Carvalhal - Alcaravela (2-1)
2ª jornada: S. Facundo - Carvalhal (3-1)
3ª jornada: Carvalhal - Casais de Revelhos (1-1)
4ª jornada: Venda Nova - Carvalhal (3-2)
5º jornada: Carvalhal - Vilarregense (1-1)
6ª jornada: Concavada - Carvalhal (4-0)
7ª jornada: Folgou

Outros dados:
Golos marcados - 7 golos
Golos sofridos - 13 golos

A competição recomeça no fim-de-semana de 2 e 3 de Janeiro.

Futebol: Campeonato Distrital II Divisão Iniciados - Classificação


Classificação actual:
Fonte: AFS

O Núcleo Sportinguista de Alferrarede volta a jogar no dia 3 de Janeiro.

Futebol: Campeonato Distrital I Divisão Iniciados - Classificação


Classificação actual (Série A):
Fonte: AFS

O Sport Abrantes e Benfica volta a jogar no dia 10.

Madalena Silva convocada pela Federação Portuguesa de Natação


Madalena Silva, do Clube Náutico de Abrantes, foi convocada pela Federação Portuguesa de Natação, para a Concentração de Treino, a realizar em Coimbra, no dia 9 de Janeiro.

A chamada da atleta insere-se no Plano de Alto Rendimento e Selecções Nacionais de Natação Pura 2016.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Retrospectiva 2015 - Setembro


Prognósticos - O seu voto conta!


Prognósticos até ao momento:









AFS - Comunicado de Alterações


À atenção do Sport Abrantes e Benfica, Dragões de Alferrarede, Núcleo Sportinguista de Alferrarede e C.D. "Os Patos".

AQUI

Atletismo: CBA venceu 33ª S. Silvestre de Avis


A Casa do Benfica em Abrantes venceu colectivamente a S. Silvestre de Avis, disputada no passado dia 26.

Principais resultados da equipa de Abrantes:
Benjamins A Femininos
1ª Rute Martins

Benjamins A Masculinos
3º Bruno Caldeira

Juvenis Femininos
1ª Marta Calado
4ª Isabel Silva

Juniores Femininos
4ª Carolina Rainho

Seniores Femininos
5ª Filipa Moutinho

Veteranos Femininos
6ª Mafalda Matos

Seniores Masculinos
6º Octávio Vicente (CUAB)

Veteranos B Masculinos
3º José Durão

Benjamins B Femininos
2ª Magda Aleixo

Benjamins B Masculinos
3º Rodrigo Martins

Infantis Femininos
2ª Bárbara Dias

Infantis Masculinos
2º Daniel Jesus
3º Francisco Rebelo

Participaram 332 atletas, em representação de 31 equipas.

Em 2016...


"Em 2016, desejo que todos, nesta grande família do desporto, sejamos felizes, ... atletas, ... treinadores, ... que o "trabalho" se concretize em sucesso para "todos" os atletas do concelho. 
Quanto à Canoagem que esta continue "viva", ... que os nossos atletas se superem nesta eterna luta de menos um segundo, ... uma centésima, ... que as 18 milésimas de segundo sejam superadas e que, finalmente, ... tudo aconteça, já que este ano mais uma vez será ano de apuramento olímpico, ... e, já agora, porque não? 
Um Feliz Ano de 2016".

(João Laia - Treinador de Canoagem e membro da Direcção do C.D. "Os Patos")

Futebol: Comissão de Qualificação de Jogos



À atenção da U.D. Abrantina.

AQUI

Basquetebol: Campeonato Distrital Sub16 Femininos - Classificação


Classificação actual:
Fonte: ABS

O Clube Náutico de Abrantes volta a jogar no dia 9 de Janeiro.

Formação